O Terço pelo fim da pandemia no Santuário de Aparecida

Pandemia
“Estamos muito gratos ao Papa Francisco, pois seu gesto nos anima muito. É uma demonstração do amor que ele tem à Aparecida. Este é um gesto de muita fé e que vamos fazer com profundo sentimento de gratidão”, afirma o Arcebispo de Aparecida Dom Orlando Brandes. O Terço será rezado com intenção pelos jovens

Trinta Santuários, representativos de todo o mundo, conduzem a recitação do Terço todos os dias durante o mês de maio em uma maratona de oração com o tema: “De toda a Igreja subia incessantemente a oração a Deus”, para invocar o fim da pandemia. Hoje dia 6 de maio, o Terço será rezado no nosso querido Santuário de Aparecida, com intenção pelos jovens.

O Santuário se prepara para o Terço

O site do Santuário descreve as preparações para a oração de hoje (06/05):

“A ação, convocada pelo Papa Francisco e iniciada por ele mesmo no último sábado (1º), envolve 30 santuários em diversos países durante o mês de maio. A Basílica que abriga a Padroeira vai representar o Brasil na “maratona” de orações. A celebração acontece a partir das 11h, no Altar Central do templo”. “Rezar com o Papa Francisco é rezar com a Igreja. Num gesto de eclesialidade e comunhão com o Santo Padre, o Santuário Nacional se une às famílias enlutadas. Só existe luto onde houve amor. Com esperança e fé recorremos à proteção da Santa Mãe de Deus, pelo fim da pandemia”, afirma o reitor da Basílica de Aparecida, padre Eduardo Catalfo.

Participação dos jovens

Além do pedido pelo fim da pandemia, os jovens também serão recordados em uma intenção do Terço em Aparecida. Um grupo, constituído por adolescentes beneficiados pelas Obras Sociais do Santuário Nacional e jovens que trabalham em diversos setores da Basílica, rezará 50 “Ave-Marias” ao longo da celebração. Eles também vão entronizar a imagem de Nossa Senhora Aparecida durante o rito e homenagear a Padroeira do Brasil depositando flores diante do altar preparado para a ocasião. As músicas da celebração serão entoadas pelo Projeto de Educação Musical do Santuário de Aparecida (PEMSA), projeto social que atende adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Dom Orlando participa na condução do Terço

Junto deles, participa na condução do Terço o arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes. Para ele, a escolha do Santuário de Aparecida como representante do Brasil na “maratona” de orações, demonstra a devoção do Santo Padre à Padroeira. “Estamos muito gratos ao Papa Francisco, pois seu gesto nos anima muito. É uma demonstração do amor que ele tem à Aparecida. Este é um gesto de muita fé e que vamos fazer com profundo sentimento de gratidão”, afirma Dom Orlando.

Santuário e o Papa Francisco

A relação entre Francisco e Aparecida nasceu antes mesmo do início de seu pontificado. Em 2007, o então cardeal Bergoglio esteve durante quase um mês na “Capital Brasileira da Fé”, durante os trabalhos da V Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe. O encontro dos bispos da América Latina aconteceu na Basílica da Padroeira a pedido do próprio Papa Bento XVI, que fez questão de visitar o Santuário Nacional durante a abertura do encontro. Em 2013, já como chefe da Igreja Católica, Francisco retornou à Aparecida, onde celebrou sua primeira missa como Pontífice fora do território italiano. A partir daí, em diversas mensagens ao povo brasileiro, o Santo Padre sempre se recorda com carinho de sua visita e da devoção à Padroeira do Brasil.

“O Papa gosta muito do Santuário de Aparecida, que é um dos maiores santuários do mundo. É um amor, um carinho e até um privilégio de termos os papas, não somente o Papa Francisco, que admiram muito Aparecida e nutrem esta devoção especial por Nossa Senhora”, comemora o arcebispo. A expectativa é de que a jornada mundial de orações pelo fim de pandemia leve conforto aos que sofrem com a doença e suas perdas. Ao mesmo tempo, ela aponta que fé e ciência podem e devem caminhar juntas. “A oração, junto com a ciência humana são verdadeiros remédios. Unimos as duas mãos: da fé e da ciência. Pedimos que o Espírito Santo continue iluminando sempre mais os cientistas, os médios e os poderes, para que juntos, na unidade, saiamos vitoriosos sobre este vírus”, esclarece Dom Orlando.

Para os brasileiros, a celebração será transmitida ao vivo, a partir das 11h, pelas redes sociais do Santuário Nacional (Facebook e YouTube), TV Aparecida, TV ao Vivo no A12 e Aplicativo Aparecida. Às 13h de Brasília (18h de Roma), o Vatican News exibe a celebração que deve ser acompanhada por fiéis de todo o mundo.

(Fonte: Santuário Nacional)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *